Halloween RP Manaus: Dicas de Filmes + Festa no Local Hostel

Por Henrique Lima e Vanessa Rocha

Para comemorar a época de Halloween, e aproveitar o assustador Dia de Finados , preparamos uma lista com cinco filmes de terror contendo clássicos e filmes atuais, com histórias de psicopatas, demônios,  fantasmas, palhaços assassinos, e muito mais.

1 – Psicose (1961)

Marion-Crane-Psycho-Scream4

Depois de roubar um cliente da empresa onde trabalha para fugir com o namorado, a secretária Marion foge da cidade e se vê no meio de uma tempestade. Então, ela decide passar a noite em um hotel que encontra pelo caminho, o Bates Motel. Lá ela conhece o dono do lugar, Norman Bates, um jovem estranho que aparentemente tem uma conturbada relação com sua mãe. O filme, uma das mais aclamadas produções do diretor Alfred Hitchcock, marcou um geração e até hoje é aclamado como um dos melhores filmes de terror já produzidos.

2 – Halloween (1978)

dfdsa

Halloween foi um dos percursores de filmes de psicopatas que matam suas vítimas com objetos cortantes, como facas, lâminas, machados. Conta a história do protagonista Michael Meyers, um homem que escapa de um sanatório e volta à sua cidade natal para continuar os seus crimes. O sucesso do filme foi tão frande que garantiu uma franquia de sete filmes.

3 – Carrie (2013)

carrie-trailer

Stephen King é o autor de Carrie. Ela é uma adolescente que sofre com os colegas da escola e enfrenta abusos de sua mãe em casa, que é uma fanática religiosa. Tudo fica começa a mudar quando ela percebe que tem poderes sobrenaturais. Durante um baile da escola situações começama tomar um rumo sombrio e violento. O filme de 2013 é um remake do sucesso de 76

4 – O Exorcista (1973)

Uma menina é possuída por uma entidade demoníaca, logo, sua mãe decide pedir a ajuda de um padre pra tentar livrá-la do terrível presença. É nessa ocasião que se inicia o embate das forças do bem contra as forças das trevas. A clássica história impressiona pelo modo aterrorizante e pelo impacto polêmica que tece na época.

2

+Vale conferir na internet as curiosidades dos sets de gravação do filme. Aparentemente coisinhas estranhas aconteceram na época com muitos envolvidos na produção.

5 – Mãe

Mother-Jennifer-Lawrence-Javier-Bardem-Darren-Aronofsky-2

Jennifer Lawrence e Javier Bardem são no filme um casal que vive em uma casa no campo. Enquanto a jovem esposa passa os dias restaurando o lugar, afetado por um incêndio, o marido tenta desesperadamente recuperar a inspiração para voltar a escrever os poemas que o tornaram famoso. Tudo começa a ficar estranho quando pessoas estranhas começam a aparecer na casa e interferir na rotina do casal. O filme foi amplamente discutido este ano por suas ligações religiosas.

+++++++++++

E que tal comemorar essa semana assustadora em uma festa à fantasia ? A festa “Halloween Local Hostel – Stranger Things 2” está de volta e promete reunir todos os apaixonados por festa à fantasia. O evento vai acontecer nesse sábado, dia 4, a partir das 18h, no Local Hostel (Rua Dona Libânia, 215 – Centro).

WhatsApp Image 2017-11-01 at 18.30.19

Drinks, maquiagem de Halloween e um concurso de fantasia vão ser as principais atrações da noite. Não esqueça de levar sua identidade para comprovar a maioridade e preparar sua melhor fantasia. A equipe da RP Manaus estará presente para cobrir o evento e esbanjar divertidas fantasias.

Anúncios

Manaus Meu Ciúme: A Cidade Pelos Olhares de Seus Profissionais

Neste 24 de outubro os manauaras comemoram os 348 anos de Manaus, conhecidíssima como a noite de Paris, ou melhor, a Paris dos Trópicos. Como uma homenagem ao berço de nossa iniciativa, perguntamos a quatro profissionais de comunicação e de áreas afins sobre como o processo criativo deles é influenciado pelos encantos e o estilo da cidade. Além disso, eles irão falar sobre seus lugares preferidos na cidade e dar dicas de empresas regionais que se destacam nas mídias sociais. Confira!

Turn Left (3)

“Sou de Brasília, mas moro em Manaus desde 2005. No quesito de atuação profissional posso dizer que Manaus me presenteou com lugares e pessoas incríveis. Graças ao meu trabalho como RP tive a oportunidade de conhecer os bastidores de lugares muito especiais, como o Palácio Rio Negro, o Teatro e a Arena da Amazônia. E as histórias das pessoas…tem muita gente inspiradora nessa cidade”.

Lugar Preferido

“Por mais clichê que seja, eu gosto muito de tomar café no Largo no fim da tarde. Já trabalhei no Centro e tinha o privilégio de fazer isso mais vezes, hoje acabo esquecendo”.

Dicas de páginas regionais: BárbarosCrepe Bistrô

 

Turn Left (2)

“Minha carreira profissional sempre teve relação direta com Manaus e a Amazônia. No início da minha trajetória como Designer Editorial, aprendi muito sobre a Amazônia. Coordenei diversos projetos de livros científicos em organizações como WWF, Ibama/ProVarzea, INPA e algumas outras.

Dessa forma, minha formação ajudou a conhecer melhor a relação da cidade com a floresta do ponto de vista científico. Sempre me envolvi em projetos de impacto local, como o Trânsito Manaus e Ônibus Manaus, iniciativas diretas que buscam tornar a relação do cidadão com o transporte público um pouco melhor. Também faço parte de uma comunidade fomentada pelo Fórum Econômico Mundial, os Global Shapers.

Com o Caboquês Ilustrado, tive a oportunidade de trabalhar com a valorização da cultura local, que fosse além da flora e fauna, transformando expressões locais, comidas típicas e lendas em produtos. Atualmente sou Marketing Designer das Lojas Bemol, local onde realizo diversos projetos de Branding e que atua diretamente no varejo local. Também tenho uma consultoria em Design, Comunicação e Marketing chamada rumomkt. A consultoria atende empresas e projetos locais com o objetivo de desenvolver, capacitar e apresentar soluções inovadoras para diferentes mercados”

Lugar Preferido

“O centro da cidade é um lugar especial. As redondezas do Largo São Sebastião, tanto de dia quanto a noite, deveriam ser mais aproveitadas pelos jovens pois carrega muita história em cada esquina. Aproveitar a noite com a vista do teatro, música, boa companhia, comida e bebida, com tantos restaurantes e bares legais tornam o lugar um canto especial”.

Dicas de páginas: RP Manaus, Bemol, Caboquês Ilustrado, É de Comer e Mapinguanerd

 

Turn Left (7)

“Trabalho com a produção de conteúdo e busco sempre inspirações para as minhas matérias. Por isso, na hora de escrever conto a história de como cada aluno chegou até seu objetivo. Uma página que faz bastante isso e eu sigo é a Humans of New York.

Lugar Preferido

“Gosto muito do MUSA, pois conecta você a imensidão que é a nossa natureza, o ar de lá é diferente, você sente uma paz interior sem igual. Gosto muito também do Teatro, por causa de toda a história que ele carrega e oferece ao visitantes”.

 

Turn Left (5)

“Minha formação toda foi em Manaus, todo meu conhecimento, minhas atuações iniciaram aqui. Com esse knowhow consegui entrar numa empresa nacional que valoriza esse conhecimento local”

Lugar Preferido

Gosto muito dos cafés que abriram na cidade, Lalbero e Kalena são ótimos! Um lugar que conheci recentemente e adorei é o MUSA (e seria incrível ter um café como os que citei por lá).

Dicas de páginas: Fogás e Suelen Lima

 

The Handmaid’s Tale: A Previsão do Amanhã

56511DB9E37247B089CDA043A33C6561

Por Rayanne Azevedo, acadêmica de Jornalismo e produtora de conteúdo da RPManaus

Você já viu a série do streaming Hulu, “The Handmaid’s Tale”? Bom, caso não tenha fique atento para o pequeno resumo (sem spoilers) sobre o que o seu polêmico enredo trata e os motivos pelo qual a série foi vencedora em várias premiações este ano.

“The Handmaid’s Tale”, ou “O conto da Aia”, foi escrito pela canadense Margaret Atwood em 1985 e fala sobre uma história de distopia. Sabendo disso aí você pode pensar em coisas como Jogos Vorazes, Divergente ou Maze Runner. Mas as Aias deste conto estão além do tipo que estamos acostumados, trazendo um fundamentalismo bíblico: o Estado torna-se teocrático e totalitário.

Mas por que o Estado ficou assim?

A história conta que, com o passar dos anos, as mulheres da espécie humana acabaram ficando, em sua maioria, estéreis. Nessa realidade, poucas conseguem ter filhos, caminhando pelo lado oposto à citação bíblica “crescei e multiplicai-vos” (Atualmente, a maioria dos assuntos que geram polêmica trazem pelo menos uma citação da bíblia, seja para defender ou problematizar).

A problemática, então, é a possível extinção da raça humana e pessoas que mascaram um sistema inteiro diante da religião cristã, utilizando como desculpa a salvação humana. As poucas mulheres férteis são obrigadas a virarem “aias”, uma espécie de barriga de aluguel de famílias poderosas.


 

Para Saber: Na bíblia, Bila é serva de Raquel. Contudo Raquel não consegue dar um filho a Jacó e se sente menos mulher por isso. Em um ato de amor e querer perpetuar a espécie Raquel oferece sua serva Bila para deitar-se com seu marido. É dessa passagem que as Aias são inseridas na história


Além de sofrerem estupros, as Aias são marcadas como gados, vestem roupas vermelhas e perdem seus verdadeiros nomes, sendo chamadas de Off + o sobrenome da casa que elas irão servir.

A série num futuro não tão distante

2D1CF00D73A94C5CAEEAE0B2CFCBB109

as “Aias”

O mais assustador é que, mesmo escrito há mais de 30 anos o conto caiu como uma luva na série produzida. O enredo é cheio de referências atuais, como ao app Tinder, aos aparelhos eletrônicos modernos e histórias que jovens adultos contemporâneos passam, levando muitos telespectadores a se reconhecerem naquilo que vêem, o que gera empatia pelos personagens, principalmente pela personagem principal, Offred.

A cada flashback que Offred passa, os espectadores sentem mais vergonha, raiva e revolta diante de tudo. Ela tem um passado do qual não consegue se desvencilhar: era uma mulher forte, independente e feliz, mas foi obrigada a largar toda a sua vida para viver em regime fechado, como se precisasse esquecer o passado e aceitar o seu posto de Bila diante àquela sociedade.

O papel da mulher e a (falta de) Comunicação nesse novo mundo

As mulheres dominam a série, isso é um fato. Contudo, dentro da história todas são submissas, sejam Aias ou esposas de homens do alto escalão. As mulheres em The Handmaid’s Tale vivem acuadas, são proibidas de lerem ou até mesmo serem mais poderosas e terem voz acima dos homens, o que indica a estabilidade da opressão.

Marilia Grandi, uma das telespectadoras da série contou sobre o que sentiu enquanto assistia a série. “Infelizmente aquele universo não tá muito distante da nossa realidade. A mulher tanto na série quanto aqui é vista, mesmo que indiretamente, como um objeto a ser demonizado, cobiçado, analisado e modificado de acordo com a vontade de todos, menos dela própria”, disse.

Nós comunicadores sabemos que o mundo gira em torno da troca de informações. Independente de sermos Relações-Públicas, jornalistas ou publicitários, temos a total consciência que, uma vez a comunicação sendo interrompida o ruído está instalado e isso pode tornar-se um caos.

Apesar da resistência, podemos associar a série com a Teoria Hipodérmica, pois após o regime totalitário ser instaurado na série as pessoas tornaram-se passíveis a qualquer lei ou método que os poderosos teocráticos impõem.

The Handmaid’s Tale é muito mais que ficção, é praticamente um alerta para que a sociedade resista a qualquer ameaça. Recebendo várias indicações no Emmy 2017 e vencedora de categorias ilustres como melhor série dramática, melhor atriz dramática e coadjuvante, a série age como um “dedo na ferida” de alguns indivíduos do século XXI.

Para quem ficou com vontade de assistir, dá uma olhada nesse trailer legendado.

Como A Internet Também Pode Ser Coisa De Criança

Por Ane Silva e Rayanne Azevedo, produtoras de conteúdo da RPManaus.

Muito além de uma música da Xuxa ou Balão Mágico, a infância é o momento em que mais somos livres para exercer a nossa criatividade, desde a plantação do feijão no algodão até o momento em que “sem querer” você corta o próprio cabelo escondido dos pais. Quem nunca, não é mesmo?

Com o advento da internet a infância de hoje vem acompanhada do tablet da galinha pintadinha, Minecraft, de crianças que manjam se comunicar com os outros através de um Instagram cheio de poses lindas e até mesmo gravando vídeos para o Youtube.

No post de hoje iremos conhecer algumas crianças manauaras que já estão no mundo da comunicação de forma natural, sem perder aquela magia e leveza da infância. Pega o pirulito que deixa a língua azul e vem conhecer esses pimpolhos antenados.

Instagram e brincadeiras

0FC78632AD71474AA81722485F89A85B

Giovanna Leão

A primeira criança que vamos mostrar é Giovanna Leão, de oito anos. Giovanna possui um Instagram  há pouco mais de um ano, e no seu perfil percebe-se que a menina já possui uma veia artística, fazendo vezes de atriz, modelo mirim, cantora, bailarina e pianista.

Vanessa Leão, a mãe da pequena instablogger, contou quando começou a perceber que a filha levava jeito para as artes. “Ela largava todos os brinquedos para ficar apenas com os que produziam sons, como tambores, pianinhos e guitarra. Com um ano de idade, entregamos uma máquina fotográfica nas mãos dela e ela fez fotos fantásticas na pinacoteca de São Paulo”, relembrou.

A mãe, e também mediadora das redes sociais da menina, fala que a criação de um instablog para a filha foi consequência de todas essas atividades que a Giovanna já fazia. A pequena possui um carisma enorme, posta somente coisas que ela realmente gosta, e mostra ser cheia de atitude e personalidade, claro, sempre sendo monitorada pelos responsáveis.

Quando perguntada sobre os métodos estratégicos de comunicação usados nas redes de Gio, Vanessa conta que cada rede possui uma interação diferente, algo conhecido pelos profissionais que trabalham com mídias digitais.

164065F2BA564B64A6FB1A1455C78A04

Vivi Brasil

A segunda princesa entrevistada pela RP Manaus foi Victória Brasil, de seis aninhos. Você pode encontrar a conta dela no Instagram clicando aqui e depois ficar falando “own” por quantas vezes quiser para essa fofura.

Ela foi eleita mini Miss AM Fashionista SSU 2017, mostrando que ser criança também é it. Seu assessor e amigo da família, Gabriel Gomes, contou que ViVi começou cedo no ramo fashion. “Victória começou quando tinha três anos de idade, ocasião em que foi convidada, por acaso, para desfilar para uma loja. Todos ficaram surpresos quando viram que ela desfilava feito uma profissional”, disse Gomes.

A vida de modelo já levou a Vivi para as passarelas de São Paulo onde competiu na categoria de Mini Miss Brasil Fashionista 2017. Victória mora em São Sebastião do Uatumã, município do interior do Amazonas, mas acaba que sempre está pela capital para cumprir com os compromissos de sua agenda.

Além de modelo mirim, a garota curte sua infância como qualquer outra criança, sem deixar lado sua rotina de modelo, Uma linda não é?

Instakids e a Comunicação

Victória e Giovanna, por serem figuras públicas, acabam ganhando muitos seguidores que ficam curiosos para saber mais sobre a rotina delas. Isso tudo acontece a partir de tags, parcerias ou por um marketing mais planejado, sendo os alcances quase sempre orgânicos.

2C22509E82EE4F20A5F6EEB15AC07CC3

A atual estratégia de Vivi em propagar seu insta é pelo boca-a-boca, como explicou seu assessor. “Se as pessoas gostam do estilo dela, falamos que ela tem um Instagram, daí eles vão lá e a seguem”, comentou Gabriel, que se propôs a nos passar dicas de como bombar no insta. Anotem aí:

 

1- Sempre postar material de qualidade, seja foto ou vídeo;

2- Ter uma periodicidade para esses posts, assim não deixando seu perfil abandonado e em horários de pico;

3- Para ganhar alcance é preciso ter personalidade, crie seu diferencial.

Se vocês achava que ser instablogger era brincadeira, essas pequenas mostraram que por trás de fotos fofas existem crianças que seguem seus sonhos e aprimoram suas habilidades. “Sejam mais autênticas possíveis, sejam vocês mesmas, publiquem aquilo que vocês gostam e que sentem felizes!”, disseram Vic e Gio (Porque já estamos íntimas) à equipe da RP Manaus.

 

Nunca perca seu espírito de criança, tudo que nos resta em dias difíceis é sonhar e ter esperança. Feliz Dia ❤