VMA 2017: retrospectiva

Por Marcelo Mendes, acadêmico de Relações Púbicas e produtor de conteúdo da RPManaus.

Na noite de domingo (27) aconteceu a 34ª edição de uma das mais importantes premiações de música pop do mundo. A premiação teve seus pontos altos e baixos, mas no fim das contas terminou premiando os melhores em cada categoria e reunindo os artistas em voga da atualidade. Confira alguns momentos da premiação, que este ano, teve como apresentadora a cantora Katy Perry:

Apresentações Musicais

A abertura ficou por conta de Kendrick Lamar. O rapper apresentou “DNA.” e “HUMBLE.”, duas músicas do seu mais recente álbum de estúdio DAMN. Lamar fez uma apresentação com direito a dançarinos vestidos de ninjas e trouxe uma parede de fogo ao palco no fim da apresentação. Em seguida foi a vez do Ed Sheeran, que performou o hit chiclete “Shape of You” e em seguida o rapper Lil Uzi subiu ao palco e juntos os dois apresentaram um medley da canção “XO TOUR Llif3”.

source

A cantora Lorde subiu ao palco ao som de um remix da música “Homemade Dynamite” que consta no seu mais recente trabalho de estúdio, Melodrama. A neozelandesa “fez a Britney” e não cantou em nenhum momento. Com a ajuda de dançarinos, ela caminhou por toda a extensão do palco enquanto fazia uma performance apenas com gestos corporais. É o conceito, né?

giphy

O girlgroup Fifth Harmony chegou com a segunda maior shade da noite: levaram ao palco a ex-integrante do grupo Camila Cabello, e simularam a saída dela durante a performance de “Angel”. Em seguida caíram juntas da plataforma começaram a apresentação do primeiro single “Down”. O rapper Gucci Mane entrou no palco e a apresentação das meninas terminou com uma grande chuveirão coletivo.

Miley Cyrus apresentou “Younger Now”, seu mais recente single e também nome do próximo álbum de estúdio. A apresentação contou com uma “gangue” de idosos como figurantes e dançarinos, incluindo uma drag queen de 84 anos. Já Demi Lovato fez uma performance de “Sorry Not Sorry” direto de uma pool party típica dos resorts de Las Vegas. A apresentação da artista foi transmitida ao vivo dentro da própria programação do VMA.

A grande homenageada da noite, a cantora P!nk, fez uma apresentação dos seus grandes sucessos no palco do VMA 2017. Durante a performance, P!nk cantou hits como: “Get The Party Started”, “Raise Your Glass”, “So What”, “Just Give me a Reason”, “Don’t Let Me Get Me”, e “Fuckin Perfect”. Para encerrar a apresentação, ela cantou o seu mais novo single, “What About Us”.

Após o show, a apresentadora americana Ellen DeGeneres subiu ao palco para entregar o troféu Michael Jackson Video Vanguard Award para a cantora. Pink fez, ainda, um discurso emocionante e empoderado para homenagear a sua filha, de apenas seis anos.

giphy2

Encerrando a noite, a apresentadora da edição deste ano do VMA, a cantora Katy Perry também fez uma performance, ao lado da rapper Nicki Minaj, cantou “Swich Swich” seu novo single.

Vencedores

O vencedor da primeira categoria da noite, foi o girgroup Fifth Harmony, que levou pra casa o prêmio de melhor clipe pop. Em seguida Alessia Cara e Zedd levaram melhor clipe de eletrônica. O prêmio de melhor colaboração foi para “I Don’t Wanna Live Forever” da Taylor Swift em parceria com o cantor Zayn e quem subiu ao palco para receber o prêmio foi o produtor musical Jack Antonoff.

O rapper Kendrick Lamar foi o grande vencedor da noite, arrebatando seis astronautas por Clipe do ano, Melhor clipe de hip hop, Melhor fotografia, Melhor direção, Melhor direção de arte e Melhor efeito visual. O prêmio de artista do ano foi para o cantor Ed Sheeran e o de artista revelação foi para o rapper iniciante Khalhid.

giphy

Noite marcante

Além do prêmio, a cantora Taylor Swift teve um espaço na premiação para lançar com exclusividade o clipe do seu mais novo single, que antecipa o lançamento do próximo álbum de estúdio da cantora intitulado “Reputation”. E que reputação, não é mesmo? Em menos de cinco minutos a cantora transformou a internet em um caos por conta de todas as referências que os fãs e internautas encontravam enquanto assistiram ao clipe de “Look What You Made Me Do”. É o marketing, viu queridas, essa mulher sabe como ninguém administrar uma carreira.

Também tivemos artistas abraçando a campanha de apoio a vida. Após uma belíssima introdução da cantora Kesha falando sobre suicídio, os artistas Logic, Alessia Cara & Khalid subiram ao palco para cantar “1-800-273-8255”, faixa que fala desse mesmo assunto.

Curtiram a edição do VMA desse ano? Deixem comentários sobre suas impressões da premiação e sobre a cobertura do RPManaus nas redes sociais.

Anúncios

Um comentário sobre “VMA 2017: retrospectiva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s